UFJF oferece tratamento gratuito contra timidez

Fonte: http://portalnetworking.com.br/wp-content/uploads/2013/09/Paulo-de-Paula-Bravin.jpg
Pessoas interessadas em aprender a lidar com a timidez podem receber atendimento psicológico no Grupo de Tímidos – Abordagem Cognitivo-Comportamental. O projeto do Departamento de Psicologia da UFJF recebe inscrições pelo telefone 3216-1029 até a próxima sexta-feira, 19.
Segundo o coordenador, professor Lélio Moura Lourenço, o objetivo é promover atendimentos psicológicos em grupo voltados para pessoas tímidas e com fobia em ambientes públicos e sociais e em relacionamentos. “Queremos também aprofundar pesquisas já existentes nessa área, através de um viés terapêutico, psicossocial e de continuidade”.
Cada grupo será formado por sete a dez pessoas, orientadas por dois facilitadores terapeutas e um auxiliar, que anota aspectos importantes sobre os membros. O atendimento será feito no Centro de Psicologia Aplicada (CPA), no Centro. “Dependendo da demanda, teremos de dois a três grupos de atividades, que se estenderão por mais ou menos um semestre. Com essa duração, poderemos realizar um trabalho completo e de total sigilo”.
Como o número de inscritos é limitado, os que não conseguirem se inscrever podem deixar suas vagas reservadas para os grupos seguintes, que serão formados no começo de 2013. O projeto é aberto para quaisquer interessados da comunidade acadêmica e local.
O grupo é resultado de uma parceria com o Núcleo de Estudos em Violência e Ansiedade Social (Nevas) da Universidade, que trabalha com as linhas de pesquisa: Ansiedade social; Avaliação psicológica; Bullying; Prevenção e promoção de saúde nos contextos socioeducativos; Violência e Violência Doméstica. O grupo existe há cerca de um ano e já foi concebido com fomentos da Fundação de Amparo à Pesquisa do estado de Minas Gerais (Fapemig).
Terapia cognitivo-comportamental
A terapia cognitivo-comportamental é um tratamento preferencial para situações de apelo social. Este método ajuda a despistar complexos, frustrações e cognições distorcidas da realidade. É bastante eficaz e pode ser adaptada a todas as idades, por permitir afrontar progressivamente todas as situações ameaçadoras.
A tônica do tratamento é posta nas causas atuais do comportamento problemático e em menor intensidade nas causas inconscientes. Utilizam-se, para isso, técnicas de controle da ansiedade, como relaxamento e controle da respiração, treino de competências sociais, técnicas para corrigir pensamentos disfuncionais, além de outras inseridas no processo psicoterapêutico.
O CPA está localizado na Rua Santos Dumont, 314, Centro.
Outras informações: (32) 3216-1029 (CPA)
(32) 2102-3117 (Departamentode Psicologia)
Com informações da UFJF

Leave a Reply