Minas mostra seus bons exemplos no Fórum Econômico Mundial, em Davos

No Palavra do Governador desta semana, Anastasia destaca a participação do Estado pela primeira vez no maior encontro de lideranças políticas e econômicas do mundo

Reunião das principais lideranças políticas e econômicas do mundo, o Fórum Econômico Mundial está conhecendo as experiências de governança implementadas em Minas Gerais nos últimos anos. O governadorAntonio Anastasia está em Davos, na Suíça, onde apresenta os resultados alcançados por Minas Gerais desde que foi implantado o chamado Choque de Gestão. No painel dessa quarta-feira (22), “o novo contexto da América Latina”, o governador abordou, em sua palestra, o tema da inovação como fator de desenvolvimento. Além disso, em conversas com lideranças mundiais e empresariais, Anastasia tem mostrado o esforço do Governo de Minas para melhorar a infraestrutura, com o objetivo de atrair mais empresas e negócios para o Estado e gerar empregos de qualidade. A participação de Minas no Fórum Econômico Mundial é o tema do Palavra do Governador desta semana.

“Estamos em um grande esforço, cada dia maior, para internacionalizar Minas Gerais. O Fórum Econômico Mundial de Davos, na Suíça, é considerado o principal acontecimento econômico do mundo. Estão presentes chefes de Estado, chefes de Governo, das principais nações de toda a Terra. É muito importante, portanto, a presença de Minas. Ficamos muito honrados com o convite que recebemos para comparecer, participar dos debates, interagir com as lideranças econômicas do mundo, especialmente com os grandes empresários, muitos dos quais já têm negócios em Minas e outros tantos que pretendemos trazer”, afirma o governador
Para Anastasia, a presença de Minas, pela primeira vez, no encontro é fundamental porque coloca o Estado como uma grande oportunidade de negócios para grandes empreendimentos internacionais. Além disso, Minas Gerais tem se destacado no Brasil em relação a dois grandes temas que estão sendo discutidos no fórum: saúde e meio ambiente.
“Na América Latina percebe-se que temos dois temas que são muito relevantes, a saúde e o meio ambiente, que, aliás, são temas muito vinculados entre si. Ao discutirmos saúde, nós teremos condições de mostrar bons exemplos que fizemos em nosso Estado, como, por exemplo, a rede de urgência e emergência já presente na maior parte de Minas. A área ambiental em um Estado como Minas, que é um Estado muito rico em biodiversidade, é fundamental, porque nós temos que estimular a produção, garantir o crescimento econômico, mas sempre tendo muita preocupação com a sustentabilidade dessas iniciativas, ou seja, preservar o nosso patrimônio ecológico e ambiental para garantirmos o futuro das gerações”, defende o governador.

Leave a Reply